Vestido para festa é coisa séria

Há milhares de opções de vestido para festa e os estilistas não param de produzir e criar novas ideias. O verão está chegando e reunimos algumas tendências para você brilhar e injetar vida em qualquer festa em que resolver entrar.

Vestido para festa de fina estampa

Já sabemos que os vestidos estampados e longos caíram no gosto do público: a leveza e o conforto das peças são um apelo para lá de convincente. O formato permite variações interessantes: estampas coloridas, geométricas ou chapadas emulam influências dos anos sessenta e o colorido hippie. Algumas peças, por outro lado, são coloridas e mais retilíneas, sóbrias, como belos lenços Hermès.

Embora a tendência de estampados não seja exatamente uma novidade, ainda está em voga, especialmente com o reaparecimento das peças de corpo único, então ainda vale manter as antenas ligadas.

Os erros mais gritantes a serem evitados com vestidos longos e estampados não são muitos. O principal deles é misturar estampas completamente diferentes em cores que não se complementam. Isso costuma dar péssimos resultados quando cada tipo de padrão geométrico delimita uma parte do corpo da pessoa, parecendo um Lego humano de tecido. Vale o bom senso na escolha: estampas de oncinha, de zebrinha e de bolinhas coloridas raramente combinam bem na mesma composição; listras horizontais e círculos podem resultar numa combinação discreta e harmônica ou misturar tão bem quanto Coca Cola e cerveja — cada caso é um caso.

Não espere o Carnaval

Os brilhos também estão em alta: a influência das drags, com seu brilho e seu exagero estético delirantes rendeu uma bela onda de vestidos com brilhos, incluindo alguns modelos com bordados em paetês, por exemplo. Apesar da graça que é vestir uma peça curtinha, arejada, meiga e abusada, há, sim, onde errar com vestidos brilhantes.
Primeiramente, vale lembrar, é claro, que “errar” em moda é algo quase totalmente subjetivo. Quando falamos em errar, trazemos a atenção para o que dita o senso comum, as convenções da moda mais harmônicas, evitando a sobrecarga do look.

Vamos supor que você escolhe um belo vestidinho prateado novo, daqueles que terminam a 2 centímetros do joelho. Quando se escolhe compor com ele uns óculos de aros coloridos rosa choque, uma bolsinha que simula plumas de araras e botas de borracha, o vestidinho curto prateado perde toda a potência desejada na composição. Este é o erro mais comum de quem escolhe aderir peças brilhantes: combinar a peça-chave com outras peças igualmente ou mais chamativas.

Como todo tipo de vestido, ele vai realçar os pontos altos do seu tipo físico se você souber usar seus atributos em favor próprio. Bordados podem realçar e destacar a área do colo em vestidos brilhantes, o que é ideal para garotas com seios pequenos.

Os bordados, aliás, são a escolha certa para delinear suas curvas num vestido dourado: em vez de linhas rígidas ou das cores e do contraste das estampas, a combinação de pedrarias de variedades diversas na superfície do vestido pode ajudar a desenhar formas que realcem seus melhores atributos. Bordados em “V” vão lançar os olhos dos festeiros para o seu decote e modelar sua cintura, fazendo com que se pareça mais magra, dando um caimento mais fluido para a peça.

Amarelo manga

Os conhecedores do mundo da moda não deixam muito espaço para a doçura discreta de verões passados nos próximos meses: as cores vivas estão vindo para quebrar a banca. Entre elas, o sempre ousado amarelo.

Se parece que estamos diante de um campo minado (“eu, ficar parecendo uma gema de ovo?!”), saiba que as composições monocromáticas também estão na ordem do dia, para alegria das nostálgicas pelos anos 70. A descontração e a positividade que a cor emana são evidentes e, claro, é possível escolher entre tons mais discretos e mais gritantes de amarelo.

Para adicionar ainda mais sobriedade, incorporar tons escuros, terrosos e até mesmo o contraste com o preto podem neutralizar um pouco o efeito “cheguei”.

Uma opção especialmente interessante para a cor é a sobreposição com peças mais comuns, iluminando o look para uma situação festiva. Uma bela gabardina de amarelo vivo e um par de brincos de argola pode muito bem engrossar o caldo de um clássico jeans-e-camiseta num contexto comemorativo, por exemplo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO